URBANASVARIEDADES.BLOGSPOT.COM

O modo long-play do Urbanascidades, desde 02.02.2012.
Blog cultural e artístico de produção coletiva. Seja um colaborador enviando artigos, cronicas, poemas, contos, ensaios e qualquer outro tipo de manifestação artística literária ou cultural. Não avaliamos ou censuramos textos, a anarquia e a contestação são incentivadas, dentro do politicamente correto. Discriminações, agressões, palavrões e outros "ões" ofensivos não serão aceitos.
Por que Long Play? Versão mais "cool", para ser saboreada ao som de um "smooth jazz", com textos que aprofundam os temas, para Urbanautas que tem um tempinho a mais.

Envie as suas produções para urbanascidades@gmail.com.

sábado, 22 de dezembro de 2012

Impossible Present


Da autoria da Royale, chega-nos um vídeo de animação muito apropriado para esta época festiva. Impossible Present conta-nos a história de um jovem menino que como todos os outros meninos da sua idade gosta muito de brinquedos. Ele recebe um, mas na hora de desembrulhar o pacote depara-se com vários problemas, agora será necessário ele utilizar toda a sua astúcia para abrir aquele maldito presente. O trabalho é genial, enviem para os seus amigos com votos de um Feliz Natal…

2 comentários:

Janice Adja disse...

Violência, não!!!
Feliz Natal e um ano nove repleto de paz, harmonia e saúde.
Beijos!!

Ligia Guedes disse...

Olá,
Estou aqui assistindo ao divertido vídeo e admirando o senso de humor tão necessário na sociedade moderna.
Gosto de tudo por aqui.
Feliz Novo Ano que continues sempre inovando em rede e obrigada pela visita ao "Nós Todos Lemos"!
Lígia Guedes.

As matérias de opinião publicadas neste blog são livremente inspiradas em pesquisas na internet e em bibliografias diversas. As imagens são da internet e de outros blogs. O urbanasvariedades valoriza e respeita o direito de propriedade mas eventualmente não é possível determinar a autoria destas imagens. Caso acidentalmente ocorra a omissão ou seja citada incorretamente a autoria, entre em contato para que possamos efetuar as correções.
Os textos produzidos pelos colaboradores são de inteira responsabilidade dos mesmos.